quinta-feira, 8 de maio de 2008

Joel sai do Fla pela porta dos fundos

Antes de a bola rolar o clima era de festa. A torcida cantou com entusiasmo, comemorando o título Estadual e a provável vaga nas quartas de final da Libertadores. Tudo levava a crer que seria uma noite de glória para Joel, que foi aplaudido de pé e recebeu uma camisa com o número 1000 de Kléber Leite. Na saída, contudo, a história foi diferente. O amor se transformou em ódio e Joel deixou o campo hostilizado. No estacionamento, precisou da ajuda dos seguranças para evitar problemas com alguns torcedores mais exaltados, que chegaram a atirar pedras no ônibus onde estavam os jogadores. É bom que Caio Jr. se acostume, pois assumirá em meio a crise.
Foto: Agência Fotocom.net

Zoando os chorões!

Loading...