quinta-feira, 12 de março de 2009

Comentário sobre sessão do Conselho

A Gávea vive um momento conturbado. Com o afastamento de Márcio Braga, que se recupera de uma cirurgia, o clube parece um barco sem leme onde há vários comandantes mas ninguém sabe quem manda. Abaixo mais uma daquelas mensagens que circulam entre Associados e Conselheiros que tanto irritam Kléber Leite e sua turma.

AOS EXELENTISSIMOS SENHORES CONSELHEIROS

Ao dirigir-me aos senhores desta forma não é erro de entendimento ou de colocação, e sim, uma reverencia proposital aos companheiros que deveriam ser tratados pela excelência da função na instituição do Clube de Regatas do Flamengo.

Mas, vamos ao que interessa neste momento:

Primeiro vou fazer comentário sobre a sessão do Conselho Deliberativo ocorrida dia 02/03/09, saí da mesma com sentimento de dever cumprido, entretanto, tenho que falar do orgulho que o Presidente Walter D’Agostino me fez sentir no seu desempenho na Presidência do Conselho. Manteve-se de forma altiva, irretocável principalmente imparcial na condução da sessão. Parabéns, estando eu muito orgulhoso do meu voto único e singular quando de sua eleição para Presidente deste Egrégio Conselho.

Não posso também deixar de enaltecer os conselheiros das Comissões Jurídicas e de Finanças, a primeira representada pelo insigne Dr. Mario Pucheu, lendo o relatório lúcido e irretocável explanando com firmeza e prudência, e a seguinte representada pelo Dr. Roberto Rocha, que para mim foi uma grata revelação, quando fez sua apresentação do parecer da Comissão de Finanças, curto e objetivo, contundente e lógico. Parabéns também a você Roberto.

Quanto à brilhante atuação do Presidente do Conselho Fiscal, Dr. Leonardo Ribeiro, explanando com muita firmeza e equilíbrio em todos os detalhes e momentos, mesmo quando houve uma tentativa despropositada a conturbar sua apresentação, até se fosse o caso de ter cometido algum equivoco de colocação não era a hora de ser interpelado ou ser interrompido em seu pronunciamento.

Todo o seu foco foi demonstrar a litigância de má fé do autor e adversário judicial, atingindo o clímax da explanação ao encerrar o seu belo pronunciamento sobre a matéria que era a do Morro da Viúva, convencendo a todos da falsidade contida na ação judicial proposta pelo Consorcio e a inoperância do Conselho diretor desde 2002, ou seja, sete anos de discussão.

AO DR. LEONARDO RIBEIRO, NOSSOS PARABÉNS.
Não posso me esquecer de citar os brilhantes depoimentos dos Conselheiros, GB Dr. Roberto Abranches e do Emérito Dr. Newton Cordeiro, brilhantes como sempre, parabéns a vocês.
O ponto negativo mais uma vez foi a Presidência do Conselho Diretor que sem ter o que dizer na tribuna e não encontrando eco para contestar os fatos com suas falácias costumeiras e muito menos poder causar insegurança aos conselheiros, veio falar de um relatório do Conselho Diretor que ninguém ouviu falar, ou nem poderia ser apresentado até porque aquele não era o foro de competência para apresentar qualquer parecer para a discussão em pauta, assim sendo deve ter sido pura invencionice política, mas, não mais isto importa.

O que interessa é que eles não podem é se aproveitar ou também comemorar, pois são eles os principais culpados da ausência de defesa do Clube de Regatas do Flamengo, tão bem explicitado pelo Dr. Leonardo Ribeiro. Que demonstrou claramente que eles depredaram, abandonaram, endividará, anunciaram a falência do Clube. Tudo para transferir o patrimônio. Rejeitamos e os Conselheiros também os rejeitaram e sabiamente não os acompanharam nesta manobra perdulária e fraudulenta do nosso patrimônio.

Nós, membros do Conselho Fiscal estamos orgulhosos e com humildade agradecemos e nos unimos a todos vocês nesta vitória de um trabalho profícuo e desgastante contra um poder oculto e atuante que é, e, sempre foi o do poder da poderosa bancada da construção no Clube de Regatas do Flamengo.

Não posso e não devo citar mais nomes, para não ser injusto com tanta gente que trabalhou no mesmo objetivo, assim sendo, citarei o MPFLA representando a todos os conselheiros dos diversos Conselhos ali presentes, sendo o MPFLA um movimento de aglutinação de sócios e Conselheiros do Clube de Regatas do Flamengo com o mesmo objetivo de manter uma frente vigilante e atuante na defesa do CLUBE DE REGATAS DO FLAMENGO.

PARABÉNS A TODOS OS CONSELHEIROS DO MAIS QUERIDO DO BRASIL.
O FLAMEEEEEEEEEEEEEEENGO
ESTA É A ALMA E CEREBRO RUBRO-NEGRO.
SRN
AUGUSTO CESAR SANSÃO
MEMBRO ELEITO DO CONSELHO FISCAL
MEMBRO NATO DO CONS. DELIBERATIVO
SÓCIO EMÉRITO.

3 comentários:

Anônimo disse...

Bla,blá de sempre

Anônimo disse...

Bla, bla de sempre cadê o da atual diretoria aproveitadora? Marcio Braga, Delair, Luiz Paulo, Michel, Fragoso,

Anônimo disse...

O anônimo acima esqueceu, ou não sabe, que os mariores culpados pela degola de funcionários e atletas são o Octmayr Andrade, Lincoln, Cheirinho, Dr. Adalberto e Alexandre. Por falar nisto, o que faz no Flamengo o dissimulado Octamyr que não gosta de futebol, e esportes em geral, na direção do Clube?

Zoando os chorões!

Loading...