quinta-feira, 12 de junho de 2008

FlaPress não se contenta com pouco

Enquanto a imprensa tenta iludir o torcedor enaltecendo a arrancada inicial no Brasileiro, a FlaPress faz quesão de lembrar que a competição está apenas no início e que a derrota para o América do México ainda não foi digerida. Talvez se o xerife Fábio Luciano, que é exemplo para os mais jovens, não tivesse se recusado a jogar naquela noite fatídica por causa de salário atrasado, o desfecho pudesse ter ido outro.
Esse grupo jogou no lixo a chance de entrar para a Galeria de ídolos da FlaPress, que com certeza é a de toda Nação Rubro-Negra. Agora terá de ver pela televisão o Fluminense ser campeão da Libertadores. Quem acompanha o trabalha da FlaPress sabe que em momento algum citamos aqui o Fla-Boca, por se tratar de algo patético. O Flamengo construiu sua história sem nunca precisar torcer contra ninguém.

Um comentário:

Anônimo disse...

Gostaria de parabenizar a pessoa que escreve aqui nesse blog. Aqui sim você sabe da verdade e da realidade que acontece dentro do maior clube do mundo !

Zoando os chorões!

Loading...